segunda-feira, 15 de outubro de 2012

Outubro tem tudo para ser o melhor mês do ano para tecnologia. Desde Mini iPad a múltiplos aparelhos Nexus e novos Windows 8, WP8 e afins. Faça sua escolha…

Mesmo setembro tendo sido muito agitado com o tão esperado lançamento do iPhone 5, e com as tentativas da Nokia (com o Lumia 920, também um ótimo celular) e Amazon (com os novos e ótimos Kindle Fire HD de 7 e 8.9 polegadas) de tirar um pouco a atenção voltada para a Apple, setembro deve perder seu trono de, mês mais espetacular do ano para lançamentos de informática, para outubro, pois esse mês teremos muitos lançamentos tão ou mais importantes que o iPhone 5 e seus adjuntos de setembro. Leia mais sobre outubro na matéria.

Neste mês teremos vários lançamentos, e das mais variadas gigantes. A Samsung colocou no mercado o Galaxy Note 2 (já anunciado anteriormente) logo no início do mês, a Microsoft acaba de anunciar o serviço Xbox Music para inicio em 15/10/2012 no Xbox e até o fim do mês no PC (Windows 8 somente) e no Windows Phone 8, e irá lançar o Windows 8 com suas versões mobile (WP8 e RT) no fim de outubro. A Google irá lançar programa Nexus (mais sobre isso adiante) e mais uma versão de seu Nexus 7, agora de US$ 99,00, para desbancar o iPad mini que chega em sua versão mais barata por US$ 249,00. Então já vimos como Outubro será movimentado, então vamos agora aos lançamentos mais detalhadamente.

A Apple será a primeira a aparecer nesse mês com um super lançamento, e será mais um “segredo” muito do mal guardado, fruto do problema que toda empresa tem quando fica grande demais e não tem mais como guardar tudo até o fim. O “segredo” é a chegada do iPad Mini (nome ainda a se confirmar, e não tenho a menor ideia se é esse mesmo, mas é o que mais aparece por aí), que chega com 7 polegadas ou algo bem próximo a isso, com preço menor, para tentar roubar de volta uma fatia do mercado que os tablets atuais de Android (bons, baratos e menores) roubaram do iPad. O iPad ainda é o líder absoluto em vendas do mercado de Tablets, mas o que era uma dominância total de mais de 90% do mercado, caiu para bem perto de 50% do mercado. Os tablet Android agora tomam perto de 48% do mercado e dentre eles o maior de todos em mercado é o Kindle Fire (o primeiro) com perto de 25% do mercado total. E aí nem incluímos o Nexus 7 da Google, que tem vendido muito bem também, com sua boa qualidade e processador e com baixo custo (a ultima pesquisa não incluía ele ainda). A Apple que não é boba, viu que existia mercado para tablets de tamanho e custo menores (algo que Steve Jobs também dizia não ter, mas que com certeza previu que teria que fazer), e com isso trará o iPad mini. Ainda não se sabe a resolução da tela, e pelo que se vê será no formato do novo iPhone, o que nos deixa com a possibilidade de ter o mesmo chip do aparelho celular e com a mesma resolução (única forma da Apple reduzir a fragmentação que ela vem se impondo, e que sempre criticou tanto no Android), mas tudo é incógnita nesse quesito. O que se sabe é que o aparelho custará de 250 a 650 dólares e terá versões de começando em 8GB até 64GB com e sem rádio 4G LTE.
Isso fará com que a Apple venda horrores de novo e volte a ter uma fatia maior (temporariamente), mas os concorrentes não estão parados não…

A Google marcou para o dia 29, mesmo dia do lançamento geral da Microsoft com todos os seus gadgets e sistemas, o lançamento que deve ter além de uma versão mais barata de seu tablet Nexus 7 de 8GB por US$ 99 e uma nova versão de 32GB no lugar da de 16, mas pelo mesmo preço atual de US$ 250. Ainda não se sabe se teremos alguma versão intermediária de 150 ou 200 dólares, mas se sabe que a versão de 16GB deve ser mesmo descontinuada. O processador, tamanho de tela e resolução, devem continuar a mesma coisa, talvez o de 32 tenha um processador com mais clock, mas o resto deve ser igual. O melhor anúncio da Google deve ser o Programa Nexus. Ela finalmente fará o que é considerado por mim um sonho, ter um programa de excelência, em que qualquer fabricante pode ter um telefone da linha Nexus, mas o fabricante que quiser ter esse aparelho deve seguir regras rígidas, seguindo um único tipo de hardware por geração e só poderá usar o software PADRÃO e PURO do Android, que será sempre fornecido pela Google. Isso é excelente, pois os nexus sempre foram os melhores aparelhos em matéria de software mas ficavam um pouco atrás em matéria de hardware muitas vezes. Dessa vez a Google escolheu o Snapdragon S4 PRO, que hoje é o melhor processador que tem no mercado, tanto em CPU quanto em GPU, com isso teremos ótimos aparelhos, com software sempre atualizado (sem skin e sem depender de fabricante).
O melhor de tudo é que poderemos escolher o aparelho mais bonito, ou com a melhor câmera, ou melhor tela, ou o que for melhor para você, sabendo que teremos a mesma experiência em todos eles. Assim deveria ter sido o programa Nexus desde o início, mas antes tarde do que nunca. Agora a Google terá como fazer como a Microsoft, ter parceiros mas com um ótimo controle no software, que aliás será o Key Lime Pie, versão 4.2 do Android (falarei mais dele outro dia).

A Microsoft, como disse antes, será a que terá os lançamentos mais importantes e também o maior número de lançamentos. Teremos, vários aparelhos de Windows Phone 8, o próprio sistema mobile, os tablets Surface da própria Microsoft, o Windows 8 em todas as suas versões (de tablets e de PC), seus inúmeros tablets, notes e tudo mais com touch screen, um novo browser e muitos outros novos serviços para todos esses aparelhos. Até o Xbox entrou na jogada com novos serviços e nova interface, para ficar mais parecido com o Windows 8.
O investimento e aposta da M$ nesses novos lançamentos são muito altos, e ela não pode se dar ao luxo de se dar mal. Eu particularmente acho que a Microsoft está sendo muito, mas muito inteligente. Ela ficou meio para trás nesses últimos anos, mas é uma empresa extremamente competente e a melhor forma de se dar bem nesses novos tempos é ter um ambiente único em todos os seus aparelhos. Ela já tem o vídeo game mais vendido nos últimos 2 anos, e um dos mais vendidos da história com uma base gigantesca, ela tem o domínio absoluto com o sistema de PCs Windows, e tem agora, com todos esses aparelhos tendo a mesma cara, uma ótima oportunidade de crescer seu ambiente de Windows Phone, que ainda não deslanchou, mas tem tudo para disparar (para um terceiro lugar confortável nos próximos 2 anos), agora que tem quase a mesma interface do Windows 8 e um OS de verdade, totalmente novo e com ótimo hardware nos aparelhos novos.

De todos esses lançamentos, os que mais me atraem são o Programa Nexus, e o Novo Windows 8 em todos os seus formatos, e os novos formatos de PC que vem com ele. Eu pessoalmente estou vendendo meus Notebooks velhos para poder ter um novo aparelho móvel, seja ele um tablet com processador de desktop ou um note conversível em tablet, ainda não decidi, mas que esse ano eu mudo de note eu mudo. Afinal tenho um desktop para meu trabalho pesado e meu note pode ser algo com muita bateria e pouca performance, mas mais transportável.

Que venha Outubro com todas as “surpresas” que podemos ter.

Márcio Mattos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário